Juventude vence o Santos de virada

O Santos fez a pior apresentação sob o comando de Nelsinho Batista, perdeu por 3 a 1 para o Juventude, de virada, hoje, em Caxias do Sul, e ficou mais distante do sonho de conquistar o terceiro título do Campeonato Brasileiro. Ainda restam 12 jogos, mas o time da Vila Belmiro terá de fazer tudo o que não fez no segundo turno, para descontar os 11 pontos de diferença para o líder Corinthians: tem 48 pontos contra 59 do rival. Os gaúchos, com 38, ainda lutam para fugir do descenso. Nos primeiros minutos, só deu Juventude, que pressionou e perdeu ótimas chances com Enilton e Caíco. Pela direita, Marcelinho aproveitou os espaços nas costas de Kleber e criou boas chances. Na primeira, Saulo fez boa defesa no chute forte do atacante. Depois, teve sorte, quando Juliano não completou o cruzamento. Os paulistas quase não ameaçaram Fabiano. Numa das poucas vezes em que foi ao ataque, Kleber achou Pitbull na área, mas o atacante tentou o toque para Luizão e perdeu a bola. Aos 24, no escanteio batido pela esquerda, Giovanni subiu bem, mas cabeceou na trave. A etapa final foi melhor do que a primeira, muito mais pela disposição do que pela qualidade dos jogadores. Logo a 2 minutos, Luiz Alberto cortou cruzamento com a mão. Pênalti, que Caíco cobrou bisonhamente por cima do travessão. A sorte parecia estar ao lado dos paulistas. Aos 8, Cláudio Pitbull foi lançado, Fabiano saiu mal e o atacante rolou para as redes. Foi o único ataque bem sucedido dos santistas em todo o segundo tempo. Dois minutos depois, Luiz Alberto retribuiu o presente: cortou mal o cruzamento da esquerda e a bola sobrou para Enilton, que decretou o empate. Explorando bem as lateriais, os gaúchos decidiram o confronto. Enilton, melhor nome do Juventude, foi à linha de fundo, driblou Heleno e cruzou com perfeição para Caíco, que não teve trabalho para virar o placar. A cinco minutos do fim, Enilton completou o cruzamento da direita e fechou o marcador.

Agencia Estado,

08 de outubro de 2005 | 20h15

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.