Giampiero Sposito/Reuters
Giampiero Sposito/Reuters

Juventus abre 2 a 0, mas leva virada do Napoli em casa

Equipe de Turim leva 3 a 2 e perde a chance de se manter na cola da líder Internazionale

AE, Agencia Estado

31 de outubro de 2009 | 17h23

A Juventus desperdiçou neste sábado uma grande chance de se manter na cola da líder Internazionale. Jogando em casa, o time de Turim abriu 2 a 0 sobre a Napoli, mas levou a virada no segundo tempo e amargou a segunda derrota no Campeonato Italiano. De quebra, o brasileiro Amauri foi expulso no final do jogo e desfalcará a equipe na próxima rodada.

 

Veja também:

Italiano 2009/2010 - lista Tabela 

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

 

Com a derrota por 3 a 2, a Juventus segue com 21 pontos na segunda colocação da tabela, mais distante da Inter, que tem 25 e poderá disparar na ponta. A equipe de Turim ainda poderá ver a Sampdoria, que tem 20, alcançar a vice-liderança no domingo - enfrenta o Bari, diante de sua torcida. O Napoli, por sua vez, deu um salto na tabela. Subiu da 12.ª para a quinta posição, agora com 17 pontos.

Neste sábado, o time anfitrião saiu na frente com gol aos 34 minutos de jogo. Trezeguet acertou a cabeça para escorar cruzamento da direita de Grygera e abriu o placar. A Juventus ampliou no segundo tempo, aos 9, com uma ajuda da defesa. Após cruzamento de Grosso, o zagueiro do Napoli mandou a bola nos pés de Giovinco, que mandou para as redes quase na pequena área.

Daí em diante, o Napoli dominou o jogo e mostrou uma forte reação. Aos 14, o argentino Dátolo cruzou da esquerda e Hamsik completou para o gol, depois que a bola atravessou toda a área da Juventus. Seis minutos depois, o próprio Dátolo marcou o segundo, após bate-rebate na área.

O gol da vitória dos visitantes veio aos 37 minutos. Hamsik bateu firme no ângulo da entrada da área, depois de um rápido contra-ataque da Napoli, e consumou o triunfo. Nos acréscimos, o brasileiro Amauri foi expulso por ter agredido o goleiro da Napoli. O atacante acertou o pé no rosto do adversário, que já estava no chão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.