Antonio Calanni/AFP Photo
Antonio Calanni/AFP Photo

Juventus bate Milan com 2 gols de Higuaín e assume topo provisório do Italiano

Time de Turim subiu três posições na classificação e chegou aos 28 pontos, igualando-se ao Napoli

Estadão Conteúdo

28 Outubro 2017 | 16h26

Com grande atuação da dupla argentina Paulo Dybala e Gonzalo Higuaín, a Juventus venceu o Milan por 2 a 0, neste sábado, no estádio San Siro, em Milão, no clássico da 11.ª rodada do Campeonato Italiano. As duas jogadas que deram a vitória ao time de Turim foram construídas pelo meia e finalizadas pelo atacante.

+ TEMPO REAL - Confira os lances da partida

+ Confira a tabela do Campeonato Italiano

+ Leia mais notícias sobre futebol internacional

Com o resultado, a Juventus chegou aos 28 pontos, assumiu a liderança provisória da competição e superou o Napoli, que ainda joga na rodada, no domingo, em Nápoles, contra o Sassuolo. Derrotado, o Milan se manteve com 16 pontos e caiu para a oitava posição da tabela, fora da zona de classificação para os torneios europeus.

A Juventus criou as melhores oportunidades desde o apito inicial. O time visitante teve o primeiro grande lance de perigo aos 17 minutos, quando o colombiano Cuadrado subiu pelo lado direito do ataque e passou para Dybala, que arriscou de longe e deu trabalho para o jovem goleiro Donnarumma.

Pouco tempo depois, o meia argentino deu um belo passe para o compatriota Higuaín, que dominou e bateu rapidamente, sem dar chances ao goleiro milanista: 1 a 0.

O gol pareceu ter acordado a equipe rubro-negra, que passou a pressionar mais a Juventus. E, antes do apito final na primeira etapa, aos 45 minutos, o Milan quase empatou a partida. Em jogada que teve a participação do suíço Ricardo Rodríguez, o atacante croata Kalinic recebeu na área e bateu na saída de Buffon, mas acertou o travessão do veterano goleiro. Na sequência, o turco Hakan Çalhanoglu tocou de cabeça para o gol vazio, mas o zagueiro Rugani salvou.

Na segunda etapa, o Milan procurou manter a pressão para igualar o marcador, mas a Juventus conseguia criar as jogadas mais perigosas. Aos 18 minutos, Asamoah arrancou e tocou para Dybala, que fez um belo corta-luz para Higuaín. O atacante limpou o zagueiro e bateu forte para vencer novamente Donnarumma, dando números finais ao clássico.

Os dois times voltam a campo pelo Italiano no próximo fim de semana, pela 12.ª rodada da competição. A Juventus receberá o Benevento, enquanto o Milan visitará o Sassuolo. Ambas as partidas serão disputadas no domingo (dia 5).

Entretanto, antes os gigantes italianos terão compromissos válidos por competições europeias. Na terça, a Juventus irá até Lisboa para enfrentar o Sporting pela quarta rodada do Grupo D da Liga dos Campeões.

Os italianos são os vice-líderes da chave, com seis pontos, enquanto os portugueses ocupam a terceira colocação, com três. O grupo é liderado pelo Barcelona, que venceu os seus três primeiros jogos. O Milan, por sua vez, líder do Grupo D da Liga Europa com sete pontos, terá o desafio de superar o AEK, na vice-liderança da chave (com 5 pontos), em Atenas, na quinta-feira (dia 2 de novembro).

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.