Juventus descarta o estigmatizado Vampeta contra o São Paulo

Por ter rebaixado 3 clubes em 4 anos, comissão técnica do clube da Mooca decide deixar o volante de fora

Agência Estado,

04 de abril de 2008 | 17h57

Estigmatizado por ter sofrido três rebaixamentos nos últimos quatro anos, o volante Vampeta não vai participar da partida deste domingo, quando o seu atual clube, o Juventus, enfrenta o São Paulo, no estádio do Morumbi, pela última rodada do Campeonato Paulista. Veja também: Simule a classificação final da primeira fase do Paulistão Quais times devem se classificar para a semifinal do Paulistão Classificação Próximos jogos O jogador de 34 anos não foi nem convocado pelo técnico José Carlos Fescina para o confronto contra o atual bicampeão brasileiro. Vampeta, aliás, não foi relacionado pelo treinador para as últimas duas partidas, contra Guarani, sábado passado, no empate por 2 a 2, e diante do Náutico, na derrota, por 3 a 0, em Recife, na quarta-feira, que eliminou o clube da Copa do Brasil. O afastamento do veterano meio-campista não é comentados nos bastidores da Rua Javari. Ninguém fala à respeito, embora o técnico José Carlos Fescina já tenha dito que se trata "de uma opção técnica". Mesmo fora do jogo deste final de semana, o volante participou da campanha e, caso o Juventus seja rebaixado, terá mais esta marca negativa na carreira. Ele já acumula rebaixamentos com três clubes diferentes: Vitória (2004), Brasiliense (2005) e Corinthians (2007), todos no Campeonato Brasileiro. Sem contar com o experiente jogador, o técnico José Carlos Fescina aproveitará o fato de pode escalar o time completo e não deve mexer na estrutura tática do time que foi derrotado pelo Náutico. Mesmo assim, só promete definir o time oficialmente momentos antes do jogo. Com 17 pontos, em 16.º lugar, o Juventus precisa vencer o São Paulo para não depender do confronto direto entre Guarani e Rio Preto, em Campinas, e do resultado entre Sertãozinho e Portuguesa, no interior.

Tudo o que sabemos sobre:
Juventus-SPVampetaSão Paulo-FC

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.