Juventus é punida por insultos racistas da torcida

Torcedores da Juventus são vetados do jogo contra a Inter de Milão por insultarem o ganense Balotelli

AE-AP, Agencia Estado

21 de janeiro de 2010 | 14h33

Os torcedores da Juventus não poderão acompanhar no Estádio San Siro a partida contra a Inter de Milão, no dia 28 de janeiro, pela Copa da Itália. O setor de visitantes do estádio estará fechado como punição ao comportamento dos de alguns fãs do time de Turim.

O Comitê Italiano para Segurança em Eventos Esportivos tomou a decisão nesta quinta-feira, depois que torcedores da Juventus fizeram manifestações racistas contra o atacante Mario Balotelli, que é de origem ganense, em recente confronto contra a Inter de Milão. O jogador italiano já foi alvo de insultos em outras partidas.

Para o jogo de sábado, pelo Campeonato Italiano, no Estádio Olímpico de Turim, entre Juventus e Roma, a área onde estavam os torcedores acusados de racismo permanecerá fechada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.