Juan Medina|AFP
Juan Medina|AFP

Juventus goleia facilmente Palermo e segue tranquila na liderança do Italiano

Time está provisoriamente 10 pontos à frente da segunda colocada, Roma

Estadao Conteudo

17 Fevereiro 2017 | 19h50

Sem qualquer dificuldade, como vem fazendo durante toda a temporada, a Juventus venceu mais uma e está cada vez mais perto de seu sexto título consecutivo do Campeonato Italiano, uma marca inédita na competição. Nesta sexta-feira, na abertura da 25.ª rodada, a equipe de Turim recebeu o Palermo e goleou por 4 a 1, no Juventus Stadium, e está agora, provisoriamente, 10 pontos à frente da segunda colocada, que é a Roma.

Contando com duelos pela Copa da Itália, esta foi a sexta vitória seguida na temporada. Com 63 pontos, o time caminha a passos largos para mais uma conquista nacional. E agora pode se concentrar, com mais tranquilidade, a outro grande objetivo: a Liga dos Campeões da Europa. Na próxima quarta-feira, enfrentará o Porto, em Portugal, no jogo de ida das oitavas de final.

Já o Palermo, que há três rodadas havia conseguido parar outro favorito ao título - o Napoli -, desta vez não teve qualquer chance. Com apenas 14 pontos, o time da Sicília é o 18.º e antepenúltimo colocado, dentro da zona de rebaixamento. São oito pontos atrás do Empoli e somente mais 13 jogos para tentar se salvar da queda à segunda divisão.

O grande destaque da partida foi o argentino Paul Dybala. O atacante, em grande fase, marcou duas vezes e comandou o ataque da Juventus. Marchisio abriu o placar para o time de Turim logo aos 12 minutos do primeiro tempo e Dybala, em cobrança de falta, fez o segundo pouco antes do intervalo. Na segunda etapa, Higuaín deu uma cavadinha para marcar o terceiro, aos 17, e novamente Dybala, após passe de calcanhar de Higuaín, anotou o quarto aos 43. Nos acréscimos, Chochev descontou para o Palermo.

Depois de encara o Porto pela Liga dos Campeões, a Juventus terá mais uma partida em casa pelo Campeonato Italiano. Será contra o Empoli, novamente em Turim, no próximo dia 25. No dia seguinte, o Palermo busca a reabilitação contra a Sampdoria, em casa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.