Juventus leva nova multa por racismo da torcida

A Juventus voltou a ser multado nesta terça-feira por causa de atitudes racistas de sua torcida. Desta vez, o clube de Turim terá que desembolsar 30 mil euros em decorrência de manifestações preconceituosas durante a vitória sobre o Milan, por 1 a 0, no domingo, em rodada do Campeonato Italiano.

AE, Agência Estado

23 de abril de 2013 | 16h05

A multa se deveu a cânticos considerados "insultantes" e à exibição de faixas "ofensivas". Em nota oficial, a Juventus se defendeu e reforçou seu comprometimento com campanhas antirracismo. "Esses comportamentos não representam a posição da empresa, seus milhões de fãs e até mesmo a grande maioria dos espectadores no estádio", registrou o clube.

Líder disparado do campeonato, o time de Turim venceu o Milan com gol de pênalti de Arturo Vidal. Os visitantes não contaram com o suspenso Mario Balotelli, alvo frequente das ofensas racistas da torcida da Juventus.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolJuventusracismo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.