Miguel Medina/AFP Photo
Miguel Medina/AFP Photo

Juventus sofre, mas bate o Chievo e assume a ponta provisória do Italiano

Time de Turim só marca no segundo tempo com Khedira e Higuaín

Estadão Conteúdo

27 Janeiro 2018 | 20h02

A Juventus não teve vida fácil neste sábado, mas cumpriu seu papel e assumiu a liderança provisória do Campeonato Italiano. A equipe de Turim visitou o Chievo e ficou com dois jogadores a mais durante boa parte do confronto, antes de arrancar na parte final e vencer por 2 a 0, pela 22.ª rodada da competição.

+ Confira a tabela de classificação do Campeonato Italiano

+ Neymar admite chateação com vaias e explica polêmica do pênalti: 'Sou o batedor'

+ Ronaldo marca dois, Real se recupera e goleia o Valencia pelo Espanhol

O resultado levou a equipe a 56 pontos, ultrapassando o Napoli, que tem 54 mas ainda atua no domingo, diante do Bologna, em casa. Na terça-feira, a equipe de Turim volta a campo para encarar Atalanta, fora de casa, pela Copa da Itália. Já o Chievo parou nos 22 pontos e é o 13.º do Italiano, pelo qual encara justamente a Atalanta no próximo dia 4, fora de casa.

As duas equipes entraram em campo neste sábado em situações bem diferentes. A Juventus vinha embalada por uma arrancada de sete vitórias consecutivas e 12 partidas de invencibilidade. Já o Chievo tentava encerrar um jejum de oito jogos sem vencer, dos quais perdeu seis.

Apesar de viverem momentos opostos, a Juventus passou em branco no primeiro tempo deste sábado e pôde comemorar apenas a expulsão de Samuel Bastien. Dois minutos depois de levar o primeiro cartão amarelo, o meia do Chievo levou o segundo e deixou sua equipe com um a menos, aos 37.

Com 11 contra 10, a Juventus seguiu tendo dificuldades, mas aí, uma nova expulsão ajudou o time de Turim. Aos cinco minutos da etapa final, Fabrizio Cacciatore recebeu o cartão vermelho de forma direta e deixou o Chievo com dois a menos em campo.

Só então, a Juventus aproveitou para chegar ao triunfo. Somente seis minutos depois da segunda expulsão, Bernardeschi recebeu lançamento longo pela direita e tocou para trás, onde Khedira chegou em velocidade para finalizar firme.

O Chievo não tinha condições de reagir, e a Juventus passou a administrar o resultado. Mesmo sem forçar, o time de Turim chegou ao segundo gol aos 43 minutos. Douglas Costa recebeu no bico da grande área pela esquerda e cruzou na cabeça de Higuaín, que testou para rede.

Na outra partida deste sábado pelo Italiano, a Atalanta visitou o Sassuolo e não teve maiores dificuldades para vencer por 3 a 0. Masiello, Cristante e Feuller marcaram os gols do time visitante, que subiu para 33 pontos e é o sétimo colocado, na briga por vaga nas competições europeias da próxima temporada. Já o Sassuolo é o 14.º, com 22 pontos, e luta para não cair.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.