Juventus tem arma contra a Ponte

Seis anos depois de conquistar o acesso para a elite do Campeonato Brasileiro defendendo a Ponte Preta, o lateral-direito do Juventus Jorge Luiz, de 33 anos, será uma das armas contra o ex-clube. No Brasileiro da Série B de 1997, ele foi um dos principais nomes no time campineiro. Velho conhecido da Ponte, adversário do Juventus no próximo sábado, o jogador espera poder dar umas dicas aos companheiros. "Sei que já faz um tempo que saí da Ponte, mas posso falar algo sobre o comportamento do time", disse. Para esse jogo, a esperança de gols do time da Moóca será novamente o jovem atacante Wellington Paulista, de 20 anos. Ele marcou dois gols na vitória de 3 a 2 sobre o Atlético Sorocaba, domingo passado. "Se sobrar espaço, vamos procurar o gol", disse. O Juventus ocupa a quinta colocação do Grupo 1, com três pontos.

Agencia Estado,

28 de janeiro de 2004 | 17h01

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.