Juventus vence com gol de Vidal e conquista bicampeonato italiano

Foi o 31.º título nacional conquistado pela equipe de Turim, a equipe ostenta 13 troféus de vantagem em relação ao Milan

AE, Agência Estado

05 Maio 2013 | 12h13

TURIM - A Juventus conquistou o bicampeonato italiano neste domingo, em Turim, ao vencer o Palermo por 1 a 0, diante dos seus fanáticos torcedores. O resultado levou a equipe comandada por Antonio Conte aos 83 pontos na liderança da competição nacional, na qual o time não pode mais ser alcançado pelo vice-líder Napoli, que ainda neste domingo enfrentará a Inter de Milão, en Nápoles.

O Napoli está com 69 pontos e poderia chegar no máximo aos 81 nas quatro rodadas que terá pela frente. Com isso, a Juventus faturou o Campeonato Italiano pelo segundo ano consecutivo e confirmou o seu domínio no torneio.

O gol da vitória da Juventus neste domingo foi marcado por Arturo Vidal, cobrando pênalti aos 14 minutos do segundo tempo. O resultado também acabou deixando o Palermo na 18.ª posição, com 32 pontos, encabeçando a zona de rebaixamento, já que o Genoa goleou o último colocado Pescara por 4 a 1, em casa, e chegou aos 35 pontos, na 17.ª colocação.

Eliminada de forma categórica pelo Bayern de Munique nas quartas de final da Liga dos Campeões, a Juventus conseguiu desta vez fazer a festa com seus torcedores, depois de ter sido despachada pelo rival alemão da competição continental atuando no seu estádio.

Foi o 31.º título italiano conquistado pela Juventus, que é disparada a maior vencedora da história do principal torneio do país. Agora a equipe ostenta 13 troféus de vantagem em relação ao Milan, segundo maior campeão, e passou a ter 14 a mais que a Inter de Milão, a terceira maior vencedora, com 17 taças nacionais.

Para a Federação Italiana de Futebol, porém, a Juventus tem 29 títulos nacionais, pois a entidade não considera os scudetos obtidos em 2005 e 2006, depois de o clube ter sido punido por causa do seu envolvimento no escândalo de manipulação de resultados na Itália. Na época, a Inter de Milão, vice-campeã dentro do campo nas duas ocasiões, herdou os títulos.

Após o apito final, os torcedores invadiram o campo para comemorar a conquista e os jogadores fizeram muita festa, enquanto Conte comemorou mais um troféu com a sua filha no colo.

OUTROS JOGOS

Além da partida da Juventus e o duelo entre Genoa e Pescara, o Campeonato Italiano contou com outros cinco jogos já encerrados neste domingo. Em um deles, o Milan venceu o Torino por 1 a 0, em Milão, com um gol do atacante Mario Balotelli.

O resultado fez o Milan chegar aos 65 pontos, na terceira colocação, enquanto o Torino estacionou nos 36 pontos, na 16.ª posição, e segue sob ameaça do rebaixamento.

KLOSE FAZ 5 - Já a Lazio fez bonito ao golear o Bologna por 6 a 0, em casa, e chegar ao sétimo posto da tabela, com 55 pontos. O grande destaque da partida foi o atacante alemão Miroslav Klose, autor de cinco dos seis gols, enquanto o brasileiro Hernanes fez o outro gol do massacre da equipe de Roma.

E logo à frente da Lazio na tabela do Italiano segue a Udinese, que neste domingo bateu a Sampdoria por 3 a 1, em casa, e chegou aos 57 pontos na sexta posição. Di Natale, com dois gols, foi o destaque da partida.

Já nas outras duas partidas já terminadas neste dia de duelos na Itália, o Catania bateu o Siena por 3 a 0, enquanto o Parma derrotou a Atalanta por 2 a 0.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.