Kaká diz que Ronaldinho sempre pergunta sobre o Milan

Meia do clube italiano conta que companheiro de seleção 'com certeza, tem simpatia' por time rubro-negro

26 de outubro de 2007 | 12h56

O meia brasileiro Kaká, do Milan, disse nesta sexta-feira que "toda vez" que se encontra com Ronaldinho Gaúcho, nas concentrações da seleção brasileira, o jogador do Barcelona pergunta a ele "sobre a equipe e o clube [Milan]".  Veja também: Milan ainda acredita que pode ter Ronaldinho Gaúcho em 2008 Kaká fez estas declarações nesta sexta-feira em Milão, onde disse não saber se Ronaldinho Gaúcho poderia vir para o Milan, mas, "com certeza, tem simpatia" pelo clube italiano, que conquistou a última Liga dos Campeões. Fiel a seu caráter reservado com a imprensa, Kaká só sorriu quando os jornalistas perguntaram se o vice-presidente e chefe executivo do Milan, Adriano Galliani, tinha encarregado a ele trazer Ronaldinho para a Itália. O interesse do Milan por Ronaldinho Gaúcho voltou a ser motivo de especulação da imprensa esportiva italiana, que nesta sexta publicou que o Barcelona "está pronto para vendê-lo por 60 milhões (cerca de R$ 153 milhões) de euros em janeiro", segundo o jornal La Gazzetta dello Sport.  Ainda assim, o Milan teria que vencer a concorrência com o Chelsea. O diário também especulou que o rompimento entre Ronaldinho e clube espanhol se deveria à renovação de seu contrato, que vem sendo adiada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.