Kaká: lua-de-mel ainda é incógnita

Depois do casamento, a lua-de-mel. Mas o destino de Kaká e Caroline Celico ainda é uma incógnita. "Isso é surpresa", despistou Rosângela Lyra, mãe de Caroline. A única certeza até agora é que o casal vai passar uma semana fora do Brasil curtindo as curtas férias que Kaká vai ter antes de retornar ao Milan, que volta aos gramados no dia 8, contra o Parma, pelo Campeonato Italiano.Kaká e Caroline não queriam exageros no casamento, que aconteceu na noite de ontem em São Paulo. Uma festa simples, diziam. Pelo horário que os convidados começaram a sair da festa, imagina-se que realmente não foi aquele `evento cinematográfico´, ao contrário do casamento de Ronaldo e Daniela Cicarelli, ano passado.Após 50 minutos de cerimônia religiosa, realizada na igreja Renascer em Cristo, no bairro do Cambuci, a festa aconteceu no hotel Ryatt, zona sul da cidade. Os convidados começaram a chegar um pouco antes das 23 horas - Kaká e Caroline apareceram de helicóptero.Mas já era pouco mais de meia-noite quando muita gente começou a deixar o local. Algumas pessoas que trabalham no local haviam dito que não estava sendo servida bebida alcoólica na festa, porque o casal é evangélico. Mas a informação foi desmentida por um dos convidados. "Estavam servindo vinho e champanhe", disse um convidado, um pouco antes das 2h. "A festa tá boa lá dentro."Antes disso, grande parte dos convidados ilustres já tinham ido embora. Ronaldo, com a modelo Raica Oliveira, foi um dos primeiros a deixar a festa, que estava repleta de jogadores da seleção brasileira: Robinho, Cafu, Zé Roberto, Dida, Roque Júnior, Júlio Baptista. E as felicitações aos casados pelo evento. "Foi uma linda cerimônia", disse o técnico Carlos Alberto Parreira.Kaká, de 23 anos, e Caroline, 18, que estão juntos desde 2002, vão morar em Milão, onde a socialite deve cursar faculdade. Apesar de ainda jovens, a certeza de que a união tem tudo para dar certo. "Eles são muito maduros e com certeza vão ser felizes", afirmou Rosângela Lyra.

Agencia Estado,

24 de dezembro de 2005 | 13h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.