Kaká revela 'emoção especial' por voltar a marcar

Depois de 261 dias, Kaká voltou a sentir o gosto de ser aclamado. O brasileiro marcou o quarto gol do Real Madrid na vitória por 4 a 2 sobre o Villarreal, neste domingo, no Campeonato Espanhol, em sua terceira partida desde que voltou aos gramados.

AE, Agência Estado

10 de janeiro de 2011 | 10h37

Kaká submeteu-se a uma operação no joelho esquerdo em agosto do ano passado, após ter disputado a Copa do Mundo no sacrifício. Voltou a jogar em 3 de janeiro, após quase cinco meses de recuperação, mas disse que este domingo é o dia que ficará marcado em sua memória de forma especial. Ele foi ovacionado por todo o Estádio Santiago Bernabéu e muito festejado pelos companheiros após balançar a rede do Villarreal.

"Senti uma emoção muito grande, difícil de explicar. Quero agradecer à torcida por ter me acolher tão bem depois de todos os problemas que tive. Voltar ao Santiago Bernabéu e fazer um gol assim... Foi um momento especial. Fazia muito tempo que não marcava e foi um gol importante para mim", afirmou o brasileiro, em entrevista ao site do Real Madrid.

Ainda sem ritmo de jogo, o meia deve continuar como opção do técnico José Mourinho para o segundo tempo das partidas até que recupere sua melhor forma física. Kaká, inclusive, elogiou o português pelas substituições na partida deste domingo. No primeiro tempo, o Real ficou duas vezes em desvantagem, e só conseguiu a virada na etapa final.

"Ele mostrou porque é o melhor técnico do mundo. Mudou a maneira como estávamos jogando e fez com que o (Real) Madrid do segundo tempo fosse muito melhor", analisou Kaká.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolKakáReal Madrid

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.