Kaká será o destaque da Copa do Mundo, diz Zagallo

Embora tenha sido o melhor jogador, de longe, da fase de preparação do Brasil, Kaká não vem sendo tão badalado na Europa e, em nenhum momento, foi apontado como grande destaque do time. Sempre ficou atrás de Ronaldinho Gaúcho e Ronaldo, considerados os dois principais astros da seleção cinco vezes campeã do mundo. Nesta segunda-feira, no entanto, o meia se viu pela primeira vez à frente dos dois colegas de ataque. E foi na opinião de um personagem importante: Mário Jorge Lobo Zagallo.Em entrevista em Königstein, o coordenador-técnico do Brasil afirmou que Kaká será o nome da Copa. "Não vou ficar em cima do muro, aposto no Kaká", afirmou. "Ele está tinindo, em grande fase, tem um número muito grande de virtudes." As declarações de Zagallo têm peso e sua aposta no craque do Milan não parece nada exagerada. O meia do Milan jogou bem nos dois amistosos da equipe antes da Copa - 8 a 0 contra o Lucerna e 4 a 0 diante da Nova Zelândia. E mostrou disposição acima da média nos treinos.As perguntas que mais teve de responder, no entanto, foram justamente sobre a falta de badalação. Por que, mesmo decidindo os jogos, não aparece tanto na mídia européia e não é tão falado pelos torcedores? ?Não sou vaidoso, isso não me preocupa?, limita-se a dizer.O jogador de 24 anos adaptou-se facilmente ao Milan desde quando chegou, há três anos. Só passou por um momento de turbulência no clube italiano: na segunda temporada, em que não conseguiu repetir o desempenho da primeira. Mas superou a adversidade rapidamente e voltou a brilhar. A única decepção, até agora, foi não ter conquistado título da Liga dos Campeões.Em 2005, o time deixou escapar vitória certa contra o Liverpool na decisão. Vencia o confronto por 3 a 0, mas permitiu a reação do adversário, que se tornou campeão na decisão por pênaltis. Em abril, acabou eliminado da mesma competição nas semifinais. Caiu diante do campeão Barcelona, em disputa equilibrada.Kaká será observado de perto pelos familiares na Alemanha, durante o Mundial. Bosco Leite e dona Simone vão prestigiá-lo e fazer companhia ao craque nos dias de folga. A mulher, Caroline Celico, com quem se casou há menos de um ano, também estará no país da Copa, a partir da primeira fase. "É bom ter a família por perto", festejou o meia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.