Bruno Cantini/Divulgação
Bruno Cantini/Divulgação

Kalil oficializa saída de Fernandinho do Atlético-MG: 'tchau e bença'

Insatisfeito, dirigente se despede do jogador, que se recusou a jogar contra o Criciúma

O Estado de S. Paulo

27 de maio de 2014 | 09h46

BELO HORIZONTE - Fernandinho está oficialmente fora do Atlético-MG. Por meio de seu Twitter, o presidente do clube, Alexandre Kalil, anunciou a saída do jogador, que se rejeitou a entrar em campo na partida contra o Criciúma, pela sétima rodada do Brasileirão.

"Resolvi. Fernandinho, siga a sua vida! "Tchau e bença", escreveu o dirigente, visivelmente insatisfeito com a atitude do atacante, que não quis completar o seu sétimo jogo pelo clube no campeonato nacional e, assim, poder defender outra equipe brasileira ainda na atual temporada.

Contratado pelo Atlético depois da conquista da Libertadores, Fernandinho era considerado o substituto ideal para Bernard, que se transferiu para o Shakhtar, da Ucrânia. Porém, ele não rendeu o esperadoe falhou no Mundial de Clubes, quando a equipe não passou sequer das semifinais, sendo eliminado pelo Raja Casablanca.

Agora, depois de resolvida a sua situação no Atlético-MG, Fernandinho passa a procurar um novo time que aceite pagar os cerca de R$ 12 milhões que o Al-Jazira, dono de seus direitos, pede pela transferência. O Flamengo é um dos interessados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.