Toru Hanai / Reuters
Toru Hanai / Reuters

Keisuke Honda nega acerto com o Botafogo: "Ainda não me decidi"

Jogador japonês admite negociação com o clube carioca, mas prega cautela

Redação, O Estado de S.Paulo

28 de janeiro de 2020 | 13h15

Objeto de desejo do Botafogo para 2020, o japonês Keisuke Honda, de 33 anos, negocia sua transferência para o futebol brasileiro. Embora o clima seja de otimismo no clube carioca, o meia se pronunciou via Twitter, na manhã desta terça-feira, para conter a empolgação dos alvinegros. “Estou conversando com eles, mas ainda não me decidi”, escreveu o jogador, em inglês.

Honda está afastado do futebol desde dezembro do ano passado, quando encerrou a passagem pelo Vitesse, da Holanda. Na última sexta-feira, o treinador do Botafogo, Alberto Valentim, deixou as portas abertas para a chegada do japonês. Além de confirmar a proposta, o técnico elogiou o meia.

"É um jogador de qualidade, de seleção, experiente, com uma idade boa para render muito. Ainda mais em se tratando de um japonês, pela cultura de disciplina que eles têm”, disse Valentim.

O jogador apareceu para o mundo do futebol na Copa do Mundo de 2010, competição em que se destacou pela seleção japonesa, sobretudo nas bolas paradas. Revelado pelo Nagoya Grampus, Honda também jogou por VVV-Venlo (Holanda), CSKA Moscou, Milan, Pachuca (México) e Melbourne Victory (Austrália) até chegar ao Vitesse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.