Glyn Kirk/AFP
Glyn Kirk/AFP

Kepa brilha na volta e ajuda Chelsea a vencer o Fulham no Inglês

Goleiro espanhol supera polêmica e se destaca em vitória por 2 a 1 fora de casa

Redação, Estadão Conteúdo

03 de março de 2019 | 13h26

O Chelsea conseguiu uma importante e difícil vitória neste domingo. Fora de casa, no Craven Cottage, o time superou o Fulham por 2 a 1, em duelo válido pela 29ª rodada do Campeonato Inglês, se mantendo próximo da zona de classificação à próxima edição da Liga dos Campeões da Europa.

A partida foi marcada pelo retorno de Kepa Arrizabalaga ao time titular do Chelsea. O goleiro espanhol havia ficado de fora do compromisso anterior da equipe, o triunfo por 2 a 0 sobre o Tottenham, como punição imposta pelo técnico Maurizio Sarri por ter se recusado a ser substituído durante a final da Copa da Liga Inglesa, disputada há uma semana.

Nesse retorno, Kepa se saiu muito bem. O goleiro realizou quatro defesas, algumas delas com alto grau de dificuldade, evitando que o Chelsea tropeçasse diante do vice-lanterna do Campeonato Inglês, mas que fez um duelo equilibrado no seu estádio. O goleiro espanhol só não evitou o belo gol de Calum Chambers, aos 28 minutos do primeiro tempo, que ficou livre para finalizar após cobrança de escanteio, cedido exatamente pelo goleiro após ótima defesa em chute forte de Mitrovic.

Antes disso, o Chelsea havia aberto o placar en jogada de velocidade iniciada por Willian - além dele, Emerson Palmieri e Jorginho também foram titulares no Chelsea. Ele avançou rápido e acionou Azpilicueta, que passou para Higuaín bater de primeira e abrir o placar, se reabilitando após desperdiçar algumas chances claras de gol.

Depois do gol do empate do Fulham, a partida se tornou aberta e o Chelsea aproveitou os espaços para ficar novamente em vantagem. Foi aos 28 minutos, quando Jorginho iniciou contra-ataque e também o concluiu com um chute em que a bola entrou no ângulo esquerdo da meta defendida por Sergio Rico.

Na etapa final, o Chelsea adotou postura mais defensiva e contou com a inspirada atuação de Kepa para assegurar a vitória. Nos acréscimos, Ryan Sessegnon chegou a marcar para o Fulham, mas a arbitragem marcou corretamente o impedimento.

Assim, o Chelsea assegurou o triunfo que o levou aos 56 pontos, em sexto lugar no Inglês, em briga acirrada com o quarto colocado Manchester United, com 58, e o quinto Arsenal, com 57. Já o Fulham, com 17 pontos e em penúltimo lugar, está a dez pontos do primeiro clube fora da zona de rebaixamento, o Southampton.

LEICESTER PERDE COM NOVO TÉCNICO

Também neste domingo, na estreia do técnico Brendan Rodgers, o Leicester levou um gol nos primeiros minutos e outro nos instantes finais, perdendo por 2 a 1 para o Watford, fora de casa. A derrota manteve o time com 35 pontos, em 11º lugar. Já os mandantes chegaram aos 43, na oitava posição.

De volta ao futebol inglês após ser demitido pelo Liverpool em outubro de 2015, Rodgers trocou o Celtic pelo Leicester, substituindo Claude Puel e deixando para trás a possibilidade de conquistar pela terceira temporada seguida os títulos da liga, da copa nacional e da Copa da Liga.

E o começo não foi bom, pois Troy Deeney colocou o Watford em vantagem logo aos cinco minutos do primeiro tempo. Jamie Vardy ainda igualou o placar aos 30 minutos da etapa final para o Leicester, mas Andre Gray, aos 45, definiu o triunfo do time da casa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.