Kia começa o plano para convencer Carlitos a ficar

A derrota para o River Plate na Argentina por 3 a 2 no jogo de ida das oitavas-de-final da Libertadores ficou em segundo plano para a direção do Corinthians. O maior problema no momento é convencer Carlitos Tevez a ficar no clube, pelo menos, até o fim do ano. Nem bem acabou o jogo na quarta-feira e Kia Joorabchian, presidente da MSI, já usava sua estratégia para convencer o ídolo corintiano a abrir mão do sonho de jogar na Europa.Vai usar a felicidade de Tevez no Brasil para demovê-lo da idéia de atuar na Espanha. O carinho da torcida do Corinthians, o respeito dos companheiros e até o bom tratamento recebido pela imprensa serão utilizados. ?Ele está muito bem no Brasil, sem motivos para querer ir embora?, disse Kia, começando sua manobra para mexer com os sentimentos do argentino.?Ele está muito feliz aqui, não tem problemas,?, repete Kia. ?E como o Corinthians vive bom momento, todos vão querer. Não temos propostas, mas é visível, logo virão atrás de Tevez, Carlos Alberto, Mascherano... O importante é não termos vontade de negociá-los", respondeu o presidente da MSI.O homem do dinheiro corintiano ainda deixou a torcida mais tranqüila ao afirmar que contratará, em definitivo, o atacante Nilmar. ?Temos a primeiro opção de compra e vamos usá-la. Eles (Lyon, dono dos direitos federativos) querem 10 milhões, vamos pagar 10 milhões. E não será parcelado como falam por aí?, garante Kia. ?O prazo para a contratação é no dia 15 de maio. Então, nesta data, confirmaremos nossa oferta e pagaremos 5 milhões. O empréstimo vence 30 de junho. Dia 29, depositamos os outros 5 milhões, não tem problema.?Sobre Rodrigo, o dirigente ainda demonstra mágoa pela confusão na negociação. ?Ele voltou à Ucrânia para tentar resolver sua situação com o procurador. Estou sem saber o que acontece,? diz Kia, reprovando o fato de ser incisivo ao afirmar que 99% está certo. ?Enquanto está sem vestira a camisa... No último aquele 1% dá errado. Mas ainda estamos trabalhando para trazê-lo.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.