Kia e Alberto Dualib acertam um pacto pela vitória

O medo de um vexame na Copa Libertadores aproximou Kia Joorabchian e Alberto Dualib. As diretorias da MSI e do Corinthians se juntaram para transformar essa semana em fundamental para o destino do clube no ano. Com direito a jogo decisivo contra o Tigres, com Tevez em campo e, no domingo, o clássico diante do Palmeiras.A esperança é anunciar até sexta-feira a contratação de Paulo Autuori como novo treinador da equipe. Kia já disse a Dualib que soube que a diretoria do Kashima Antlers estaria disposta a abrir preço para a liberação do desejado treinador campeão mundial.Quem indicou o caminho para a liberação que envolve muito dinheiro foi o representante do time japonês no Brasil, Antônio Simões da Costa. De acordo com pessoas ligadas ao São Paulo, o salário de Autuori no Kashima é de US$ 150 mil (cerca de R$ 330 mil). O especialista em negociações internacionais, o advogado Marcos Motta foi contratado para ajudar na liberação de Autuori.A MSI está disposta a pagar US$ 1,5 milhão (o que os japoneses gastariam até dezembro a Autuori) e oferecer um ótimo aumento ao ex-treinador do São Paulo - igualar o que o Santos paga a Vanderlei Luxemburgo -, cerca de R$ 500 mil.Na quarta-feira, o interino Ademar Braga será o treinador contra o Tigres no Pacaembu. Ele já foi avisado pelo diretor da MSI, Paulo Angioni, que não haverá tempo para que, mesmo se Autuori for contratado nesta segunda, o novo contratado vir do Japão e assumir o cargo.A esperança é que o novo ciclo se inicie domingo contra o Palmeiras. Aí sim, Paulo Autuori poderia trabalhar. De acordo com Kia, não há hipótese de Ademar Braga ser mantido no cargo. Tevez está recuperado da pancada no joelho direito e irá jogar contra o Tigres.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.