Wesley Santos/Divulgação
Wesley Santos/Divulgação

Kleber é operado e só volta ao Grêmio daqui a seis semanas

Dores no tendão do tornozelo esquerdo motivaram cirurgia que tirou o atacante do clássico de domingo

AE, Agência Estado

30 de novembro de 2012 | 10h45

SÃO PAULO - Fora do Gre-Nal deste fim de semana, na rodada final do Brasileirão, o atacante Kleber foi submetido a uma cirurgia no tornozelo esquerdo, na noite de quinta-feira, e só deve retomar os treinos no Grêmio daqui a seis semanas. O jogador deve ter alta nesta sexta ou no sábado.

O procedimento, com duração de cerca de 1h30min, foi realizado no tendão fibular do tornozelo esquerdo, que vinha causando dores ao atleta nas últimas semanas. O problema se agravou na partida contra o Millonarios, na Colombia, no dia 13 de novembro, pela Copa Sul-Americana. Com fortes dores, Kleber deixou o gramado mais cedo.

Sem obter avanços nas semanas seguintes, o jogador decidiu se submeter a cirurgia para iniciar a temporada 2013 100% recuperado das dores. Pelo cronograma, o jogador passará as próximas três semanas com o tornozelo imobilizado. Depois iniciará as sessões de fisioterapia, que deverá duras outras três semanas.

Ao fim deste período, já em janeiro do próximo ano, Kleber deve retomar os treinos físicos. Assim, vai perder a pré-temporada do Grêmio e deve ficar de fora das rodadas iniciais do Campeonato Gaúcho. O principal objetivo do time gaúcho no primeiro semestre de 2013 será a Copa Libertadores.

Se terminar o Brasileirão deste ano na segunda colocação, o Grêmio entrará direto na fase de grupos da competição continental, que deve ser disputada a partir de fevereiro. Neste caso, o time já deverá contar com Kleber em condições de jogo.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolGrêmioKlebercirurgia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.