Kléber elogia ataque palmeirense, mas pede cautela

Depois de um decepcionante empate por 0 a 0 com o Botafogo-SP na estreia, o Palmeiras desencantou no Campeonato Paulista ao golear o Ituano por 4 a 1 nesta quinta-feira, em Piracicaba, em jogo válido pela segunda rodada.

AE, Agência Estado

21 de janeiro de 2011 | 07h46

Sem poder contar com um meia de criação, já que Valdivia ainda está em pré-temporada e Lincoln se contundiu no último sábado, o técnico Luiz Felipe Scolari surpreendeu ao escalar o time alviverde com três atacantes: Luan, Dinei e Kléber.

Autor de dois gols no confronto, Kléber disse que gostou da formação, mas que ainda é cedo para que ela vire um padrão da equipe. "São jogadores de frente, que encostam, e a gente consegue tabelar. Hoje (quinta) deu certo, mas nós também temos que ver a forma do adversário jogar", disse.

É provável que Valdivia fique à disposição para a próxima partida do time, neste domingo, contra o Oeste, em Itápolis. Se escalar o chileno desde o início, Felipão deve sacar Luan ou Dinei, que também balançou a rede em Piracicaba.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasKléber

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.