Kléber quer estrear pelo Palmeiras contra o Corinthians

Atacante está preparado para ser o 'homem-gol' do técnico Vanderlei Luxemburgo neste domingo

Juliano Costa, Jornal da Tarde

25 de fevereiro de 2008 | 10h40

Kléber chegou ao Palmeiras na semana passada e pode ter o gostinho de estrear justo contra o maior rival do clube, o Corinthians, no domingo, no Morumbi. O atacante treina desde a última segunda-feira e, na avaliação do técnico Vanderlei Luxemburgo, deverá estar pronto para o clássico.   Veja também: Ouça a reclamação do técnico palmeirense na saída do campo Luxemburgo pode ser punido por primeira expulsão do ano   "Pronto ele já está", disse o treinador, na sexta-feira. "Mas é claro que ainda precisa de mais alguns treinamentos para readquirir ritmo de jogo. Acredito que, para domingo, já possa ser relacionado." Nono reforço do time para a temporada, Kléber é a peça que faltava para Luxemburgo. O técnico vê no atacante de 24 anos um grande potencial para ser usado pelos lados do campo, fazendo a aproximação com o centroavante Alex Mineiro.   "Kléber ganhou força muscular e experiência após quatro anos na Ucrânia. Hoje, ele não é só um jogador de velocidade, mas também de drible, de pensar uma jogada, de fazer uma tabela", elogia Luxemburgo, que cogita um 4-4-2 com dois meias (Diego Souza e Valdivia) e dois atacantes, sendo que um deles é Alex Mineiro. A outra vaga ficaria entre Kléber, Lenny e Denilson. "São todos atacantes de qualidade e vou trabalhar para buscar meu espaço", diz Kleber.   Revelado por outro rival palmeirense, o São Paulo, Kléber deixou o Brasil em dezembro de 2003, aos 20 anos. Foram quatro temporadas no Dínamo de Kiev. "Estava com saudade do Brasil", diz ele. A diretoria mandou ao Dínamo uma proposta de empréstimo em novembro, quando o técnico ainda era Caio Júnior, mas só no mês passado os ucranianos toparam fazer negócio. Kléber foi emprestado até 31 de julho por US$ 350 mil (pouco mais de R$ 600 mil).   O empréstimo pode ser automaticamente renovado (pela mesma quantia) até dezembro, caso essa seja a vontade do Palmeiras e também do jogador. "Acredito no sucesso do Kléber e tenho certeza que ele ficará com a gente até o fim do ano", disse o diretor de futebol Savério Orlandi. Ao final de um segundo empréstimo, o Palmeiras pode exercer seu direito de compra do atacante, estipulado no contrato.   Antes do Corinthians, o Palmeiras tem compromisso nesta quarta-feira contra o Cene, do Mato Grosso do Sul.

Tudo o que sabemos sobre:
Palmeiras

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.