Klose quer artilharia para que um título fique na Alemanha

O atacante alemão Miroslav Klose disse nesta quinta-feira que, embora a meta principal da equipe, no momento, seja conquistar o terceiro lugar, ele também quer terminar a competição como artilheiro, para que "ao menos um título fique na Alemanha". "Todos sabem que jogo para a equipe. No momento, o mais importante é ganhar de Portugal para ficarmos em terceiro lugar, que é melhor do que ser quarto colocado. Se conseguir contribuir para isso, ficarei contente", afirmou o jogador do Werder Bremen. Pela primeira vez desde o início da Copa, Klose estabeleceu como meta terminar o campeonato como artilheiro, disputa que lidera, com cinco gols. "É realmente importante ser o artilheiro de um Mundial. Quero que pelo menos um título fique aqui na Alemanha". Ele afirmou ainda que, se jogar contra Portugal, vai procurar marcar desde o início da partida, e não vai pensar na possibilidade de cobrar um possível pênalti para aumentar sua contagem de gols. "Naturalmente, se for necessário eu baterei uma penalidade máxima, mas não vou pedir para cobrar somente para ser artilheiro. Vou tentar fazer meus gols com a bola em movimento". A presença de Klose na partida contra Portugal depende da recuperação de uma pancada na panturrilha, sofrida no jogo contra a Itália, pela semifinal. "Ainda sinto dores. Quero jogar, mas só teria sentido entrar em campo se estiver 100%", ressaltou. Se não marcar contra Portugal, e se não vier a ser superado por nenhum de seus concorrentes, Klose será o artilheiro da Copa da Alemanha com cinco gols. Se isso acontecer, será uma das marcas mais baixas da história das Copas, superando somente o máximo de quatro gols anotados no Mundial de 1934 (Angelo Schiavo, da Itália; Edmund Conen, da Alemanha; e Oldrich Nejedly, da Checoslováquia); e igualando a marca de 5 gols de 1962 (Drazan Jerkovic, da Iugoslávia).

Agencia Estado,

06 Julho 2006 | 10h32

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.