La Coruña tenta abrir vantagem

Embalado pela vitória sobre o Manchester (3 a 2, na quarta-feira, pela Liga dos Campeões), o La Coruña volta suas atenções para o Campeonato Espanhol, em que é o líder com 17 pontos. Neste sábado, a equipe recebe no estádio Riazor o Sevilha, em partida válida pela 9ª rodada da competição. O técnico Javier Irureta não admite que o time relaxe em função do grande resultado conseguido na Inglaterra.Irureta elegeu o responsável pelo ótimo momento do time: o atacante Diego Tristán, que marcou quatro gols nos últimos dois jogos (Manchester e Zaragoza). O treinador faz questão de destacar que se trata de um "novo" Tristán: "Conversei com o Diego e o animei. Disse que não basta jogar, é preciso ser profissional e se comportar como tal em todos os aspectos."Para o jogo, Irureta terá dois desfalques. O goleiro Molina e o zagueiro Naybet sofreram contusões na partida contra o Manchester e foram vetados. Romero, que também se machucou contra os ingleses, não será problema."A minha maior preocupação para o jogo são as baixas. Por isso, peço mais do que nunca o apoio do nosso torcedor. É um jogo muito importante, porque se conquistarmos os três pontos poderemos abrir uma pequena vantagem na classificação."Os brasileiros Donato, na zaga, e Émerson, no meio-de-campo, estão confirmados. Mas a grande novidade poderá ser Djalminha, que tem chance de começar jogando. Ele esteve afastado devido a uma lesão muscular e nos últimos dois jogos ficou no banco de reservas. "Estou 100% recuperado e ansioso para voltar a jogar. O mais importante é jogar e jogar bem", disse o meia, que ainda não atuou nesta temporada.No Sevilha, oitavo colocado com 12 pontos, o maior destaque é o atacante uruguaio Olivera, artilheiro do campeonato com cinco gols.Fora de casa, o Barcelona tentará manter um tabu contra o Málaga: há 25 anos não perde no campo do adversário. O Barça jogará mais uma vez de forma ofensiva, com Saviola, Kluivert e Rivaldo juntos no ataque, como fez contra o Bayer Leverkusen, na quarta-feira, pela Liga dos Campeões.Com Rivaldo em campo, o time tem 100% de aproveitamento na temporada, com cinco vitórias em cinco jogos. Será a primeira partida de Saviola como titular jogando fora de Barcelona e o técnico Carles Rexach está confiante: "Agora ele está mais preparado. Saviola demonstrou ter muita maturidade, apesar de ser jovem."O meia Luis Enrique será substituído por Gabri, seguindo rodízio feito pelo treinador Rexach. O zagueiro sueco Patrik Andersson, que voltaria neste sábado depois de se recuperar de uma lesão muscular na coxa direita, foi vetado. Ele ficará afastado por três semanas por causa de uma lesão no ligamento externo do joelho direito. O time catalão ocupa a quarta colocação, com 15 pontos.Em outro jogo deste sábado, o Betis enfrentará o Villarreal, em casa (com ESPN Internacional, às 17h30). O atacante brasileiro Denílson está confirmado.Domingo, o Real Madrid tentará superar a má fase na competição (16º colocado, com nove pontos) contra o Celta, terceiro colocado ao lado do Betis, com 16 pontos. Os jogadores ganharam um incentivo extra da diretoria. Segundo informações, os atletas dividirão um prêmio de cerca de US$ 13,8 milhões se conquistarem a Liga dos Campeões e o Campeonato Espanhol.O francês Zidane, que não enfrentou o Anderlecht na terça-feira pela Liga, volta ao time. O Celta deposita suas esperanças nos gols do brasileiro Catanha (marcou quatro nesta temporada) e no russo Alexander Mostovoi.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.