?La U? quer endurecer para o São Paulo

O técnico da Universidad de Chile, Héctor Pinto, garante que não virá a São Paulo para passear. Nesta quarta-feira, a equipe enfrenta o São Paulo, no Morumbi, pela segunda rodada do Grupo 3 da Copa Libertadores da América, com a missão claramente definida: quer voltar para casa com pelo menos um ponto. ?Vamos para lá para não perder?, afirmou Pinto após os treinos desta segunda-feira.A equipe, chamada de ?La U?, lidera o grupo com 3 pontos. Na estréia, em casa, no estádio Nacional, venceu o Quilmes da Argentina por 3 a 2. O São Paulo, por sua vez, tem um ponto, já que empatou (3 a 3) com o The Strongest, em La Paz.?A classificação será definida em casa. Se a gente mantiver 100% de aproveitamento no Estádio Nacional (de Santiago) e arrancarmos um empate nos jogos fora de casa, certamente garantiremos a classificação para a próxima fase?, acrescentou o treinador.Pinto assistiu ao empate entre The Strongest e São Paulo e ficou impressionado ?com a vocação ofensiva? do time brasileiro. Ele acredita, entretanto, que pode tirar proveito dessa característica. ?No afã de atacar, o adversário sempre deixa alguns buracos atrás e nós podemos nos aproveitar disso?, afirmou.A equipe chilena - que embarca para São Paulo no final da manhã desta terça-feira - já está definida. Vai jogar com Herrera; Santibáñez, Ponce, Lucas e Rojas; Martínez, Ormazábal, Nelson Pinto e Riveros; Gioino e Diego Rivarola (Marco Olea).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.