Martin MeissnerAP
Martin MeissnerAP

Lanterna do Campeonato Alemão, Schalke demite treinador após nova derrota

Quarta derrota nos últimos seis jogos causa mudança no comando e clube aposta no experiente Huub Stevens

Redação, Estadão Conteúdo

18 de dezembro de 2020 | 14h36

Dois dias após sofrer nova derrota, o Schalke anunciou nesta sexta-feira a demissão do técnico Manuel Baum e contratou o experiente Huub Stevens, velho conhecido da torcida. O time de Gelsenkirchen vive péssima fase na temporada e ocupa a lanterna da tabela do Campeonato Alemão.

Na quarta, o Schalke foi batido pelo Freiburg por 2 a 0. Foi a quarta derrota nos últimos seis jogos, sendo que nas outras duas partidas houve empate. O time vive incrível jejum no Alemão, ainda sem vencer nesta temporada após 12 rodadas e sem um triunfo há 28 jogos, levando em conta partidas da edição anterior da competição.

Assim, o tradicional time de Gelsenkirchen tem apenas quatro pontos na classificação, a seis de distância do Colonia, a primeira equipe fora da zona de rebaixamento. "A performance decepcionante contra o Freiburg nos mostrou que o time precisa de um novo impulso", declarou o diretor esportivo Jochen Schneider. Para ele, a partida contra o Arminia Bielefeld, no sábado, tem "enorme importância" para a equipe.

O técnico Manuel Baum comandava a equipe desde o fim de setembro, quando assinou contrato de dois anos. Ele será substituído por Huub Stevens, que fará sua quarta passagem pelo clube. De acordo com a direção do clube, o novo treinador já assumirá o time para o duelo deste sábado.

Em sua última passagem pela equipe, Stevens evitou o rebaixamento em 2019, ao liderar o time entre março e julho. Em sua primeira atuação na equipe, conquistou o título da Copa da Uefa (antigo nome da Liga Europa), em 1997.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.