Lanterna do Italiano, Carpi contrata técnico demitido em setembro

O técnico Fabrizio Castori está de volta ao comando do Carpi apenas um mês após ser demitido. Nesta terça-feira, a diretoria do clube italiano anunciou a saída do treinador Giuseppe Sannino e confirmou que ele será sucedido exatamente pelo seu antecessor, em mais uma mudança para tentar recuperar o time.

Estadão Conteúdo

03 Novembro 2015 | 10h01

O Carpi é o lanterna do Campeonato Italiano com seis pontos e apenas uma vitória em 11 jogos disputados. Sob o comando de Castori, demitido no final de setembro, o time ganhou apenas dois pontos nas seis rodadas iniciais. Depois, o rendimento não foi muito melhor com Sanninno - o time fez quatro pontos em cinco partidas.

Além de ser o lanterna do Campeonato Italiano, o Carpi também tem a pior defesa da competição, com 23 gols sofridos. E, em seu último compromisso, no domingo, o time não passou de um empate por 0 a 0 com o penúltimo colocado Verona, em casa.

Castori levou o Carpi ao título da segunda divisão na última temporada, garantindo o primeiro acesso à elite no seus 106 anos de história. Agora ele terá o desafio de recuperar o time e mantê-lo na primeira divisão.

A nova mudança no comando do Carpi é a terceira troca de treinador no Campeonato Italiano nesta temporada. Na semana passada, Roberto Donadoni assumiu o Bologna em substituição ao demitido Delio Rossi.

Mais conteúdo sobre:
futebol Carpi técnico Fabrizio Castori

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.