Bruno Cantini / Atlético-MG
Bruno Cantini / Atlético-MG

Larghi revela duas dúvidas no Atlético-MG e confirma Ricardo Oliveira

Treinador encaminhou a equipe que encara o Cruzeiro, domingo, no Independência, pela ida da decisão do Campeonato Mineiro

Estadão Conteúdo

30 de março de 2018 | 18h14

O técnico interino Thiago Larghi voltou a optar pelo mistério e, como na quinta, fechou à imprensa o treino do Atlético-MG nesta sexta-feira. Na Cidade do Galo, o treinador encaminhou a equipe que encara o Cruzeiro, domingo, no Independência, pela ida da decisão do Campeonato Mineiro, mas despistou sobre a escalação, revelando apenas ter duas dúvidas.

Iago Maidana é afastado do Atlético-MG após uso de medicamento proibido

"Não tenho time definido, estamos treinando ainda. Existem duas dúvidas, sobre um ou outro jogador. Está bem encaminhado para a definição, mas estamos usando a semana para fazer experimentos. Isso é importante para o grupo, precisamos fortalecer para jogos grandes. É a definição para esse jogo, mas sempre pensando na formação de um plantel, com troca de jogadores, rodízio, para encarar todas as partidas. Prefiro não falar as dúvidas", declarou.

Larghi não especificou, mas a tendência é que as dúvidas estejam no meio de campo. Otero recuperou a vaga de titular na parte ofensiva do setor, mas Erik corre por fora e pode voltar ao time. Outra possibilidade é ambos ficarem no banco e Gustavo Blanco, que tem sido elogiado pelo treinador, compor um trio de volantes com Adilson e Elias, deixando o Atlético-MG mais precavido.

Quem está confirmado para o clássico é Ricardo Oliveira. Ele ficou de fora do treino de quinta-feira, graças a uma febre, mas Larghi garantiu que o atacante voltou a trabalhar normalmente e vai para campo. "O que aconteceu ontem já passou. Ele chegou e está bem. Conto com o Ricardo para domingo."

Apesar do mistério de Larghi, a tendência é que o Atlético-MG repita a escalação que venceu o América-MG na segunda partida da semifinal, com: Victor; Patric, Leonardo Silva, Gabriel e Fábio Santos; Adilson, Elias, Luan, Cazares e Otero; Ricardo Oliveira.

Independente da escalação que for a campo, o técnico garantiu um time pronto para encarar um dos destaques do futebol brasileiro em 2018. "A gente procurou estudar bem o adversário, levantar uns detalhes, trabalhar nos treinamentos. É importante que os jogadores saibam as formas de jogar, os devidos cuidados e onde explorar. Acredito que vamos estar bem preparados."

Tudo o que sabemos sobre:
Atlético Mineiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.