Larrionda é escolhido para apitar Portugal x França

O árbitro uruguaio Jorge Larrionda foi escolhido nesta segunda-feira pela Fifa para apitar a segunda semifinal da Copa do Mundo, entre Portugal e França, nesta quarta-feira, às 16 horas (de Brasília), em Munique. Os auxiliares também são uruguaios: Walter Rial e Pablo Fandino. O trio de arbitragem uruguaio atuou em três partidas da Copa, todos na primeira fase - curiosamente, um de cada seleção envolvida na disputa. Na sua estréia, a vitória de Portugal sobre Angola, por 1 a 0, ele deu cinco cartões amarelos - entre eles para os portugueses Cristiano Ronaldo e Nuno Valente. No jogo entre França e Togo, foram quatro cartões, sendo somente um para o time semifinalista, para o volante Makelele, na vitória por 2 a 0. Sua atuação mais complicada foi no empate entre Itália e Estados Unidos, por 1 a 1, que teve três jogadores expulsos - os norte-americanos Mastroeni e Pope e o italiano De Rossi, que acertou uma cotovelada no atacante adversário McBride e foi suspenso por quatro jogos pela Fifa. Volta a jogar na última partida da seleção italiana, na final ou na decisão do terceiro lugar. Larrionda tem 38 anos e está no quadro da Fifa desde 1998, mas apita pela primeira vez em uma Copa. Na partida desta quarta-feira, terá como quatro e quinto árbitros os australianos Mark Shield e Nathan Gibson - os mesmos que cumpriram tal função no jogo de sábado, entre Brasil e França.

Agencia Estado,

03 Julho 2006 | 10h59

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.