Laterais disputam vaga na Santista

A Portuguesa Santista ainda procura um titular para sua lateral-esquerda. Ex-jogadores do Botafogo-RJ e que agora defendem o clube santista, Rossato e Hamilton, brigam por uma vaga na posição. O técnico Muricy Ramalho é o maior beneficiado com a disputa entre os jogadores, que vêm se alternando na posição a cada rodada do Campeonato Paulista 2001. Como os dois atletas possuem as mesmas características, mostrando fôlego para marcar e também apoiar o ataque, inclusive nas cobranças de falta, Rossato e Hamilton vivem se revezando no time.Na última partida, contra o São Paulo, Hamilton era o titular e acabou se machucando, depois de um choque contra um jogador são-paulino. Rossato o substituiu e foi elogiado por sua atuação, mas sabe que só isso não basta para mantê-lo no time. ?Eu estou tranqüilo e respeito a opinião do professor Muricy. Somos profissionais e temos de estar preparados para entrar ou sair do time em qualquer situação", explicou o lateral.Para Hamilton, que atuou contra o Mogi Mirim e também se machucou, o mais importante é a amizade entre os dois jogadores, que continua mais forte agora, mesmo depois do duelo particular pela lateral-esquerda. "Continuo treinando firme e aguardando a decisão do Muricy. Se ele me escalar, eu vou à luta, já que precisamos ganhar do Rio Branco para tentar atingir a classificação para a outra fase do Campeonato Paulista", destacou."Na verdade, esta é uma situação até agradável. São dois bons jogadores, praticamente no mesmo nível e que vêm mantendo uma regularidade neste campeonato. Mas não posso deixar de concordar que se trata de uma disputa saudável", comentou Muricy.Por isso mesmo, o técnico só vai decidir quem será o titular depois de analisar os dois durante os treinamentos. O único desfalque da Santista para o jogo contra o Rio Branco, no domingo, no estádio Ulrico Mursa, em Santos, é o volante Roberto Ramos. O jogador continua no departamento médico, recuperando-se de uma lesão na virilha.Os ingressos para este jogo vão começar a ser vendidos neste sábado, nas bilheterias do estádio. Os preços variam de R$ 5,00 (arquibancada) a R$ 10,00 (numeradas). Mulheres e crianças credenciadas pela Federação Paulista de Futebol pagam R$ 1,00 e estudantes (também credenciados) R$ 3,00.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.