Lateral do Cruzeiro pede atenção contra Once Caldas

Dono da melhor campanha da Libertadores até agora, o Cruzeiro estreará no mata-mata na quarta-feira diante do Once Caldas, time com o pior retrospecto na fase de grupos. A diferença nas campanhas, contudo, não empolga o lateral Pablo, que pediu atenção aos seus companheiros às vésperas do jogo de ida das oitavas de final, na Colômbia.

AE, Agência Estado

25 de abril de 2011 | 12h19

"A partir dessa fase não podemos errar, o fato do adversário ter feito uma campanha pior que a nossa na fase de grupos, não tem mais importância, basta que eles vençam por 1 x 0 que o Cruzeiro fica fora. Só de estar classificado para as oitavas de final já mostra que é uma equipe bastante qualificada", afirmou o lateral.

Para Pablo, o Cruzeiro deve fazer a diferença no duelo ao apostar no seu forte ataque, o melhor da Libertadores. "Temos que ter muita atenção, marcar bastante e procurar atacar muito, que é nosso forte. Vamos procurar ter atenção contra eles, estamos estudando o adversário e vendo o que eles têm de bom para saber anular e conseguir vencer", pregou.

Após retomar os treinos, a delegação do Cruzeiro viajará para a Colômbia na manhã desta terça-feira. No mesmo dia, o time brasileiro fará um treino de reconhecimento no gramado do Estádio Palogrande, que receberá a partida contra o Once Caldas na quarta.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCruzeiroLibertadoresPablo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.