Lucas Uebel/Grêmio
Lucas Uebel/Grêmio

Lateral do Grêmio, Leonardo Gomes será submetido a nova cirurgia

Jogador deve ficar ao menos um mês afastado das atividades por causa de problema no joelho direito

Redação, Estadão Conteúdo

19 de maio de 2020 | 20h25

O Grêmio informou nesta terça-feira que o lateral-direito Leonardo Gomes terá que ser submetido a uma nova cirurgia no joelho direito. Ele deve ficar ao menos um mês afastado das atividades, justamente no momento em que o time gaúcho retomava os treinos visando o retorno dos jogos.

De acordo com o Grêmio, a data da nova operação ainda não foi definida. O procedimento servirá para corrigir uma fratura patelar no joelho. Ele iniciará o processo de fisioterapia logo após a cirurgia.

Leonardo machucou o joelho em setembro do ano passado, quando rompeu o ligamento cruzado no jogo contra o Athletico-PR, pelas semifinais da Copa do Brasil. Na época, passou pela primeira cirurgia no local.

A recuperação do jogador vinha sendo bem-sucedida desde então. Até que no treino de segunda-feira ele sentiu dores novamente no joelho. Exame de imagem constatou nova lesão, diferente da que ele sofreu em setembro.

Sem Leonardo, o elenco gremista voltou aos trabalhos nesta terça, com atividades em dois turnos, novamente com os jogadores divididos em grupos para manter o distanciamento social, em razão da pandemia do novo coronavírus. A maior parte dos atletas fez trabalho de musculação e atividades aeróbicas.

DIEGO SOUZA

Ainda nesta terça, a diretoria do Grêmio informou que o meia-atacante Diego Souza será reintegrado ao time na segunda da próxima semana. Ele está no Rio de Janeiro, onde cumpre quarentena após dar resultado positivo para covid-19.

Tudo o que sabemos sobre:
Grêmiofutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.