Peter Byrne / AP Photo
Peter Byrne / AP Photo

Lateral do Liverpool terá que prestar serviços comunitários após agredir namorada

Jon Flanagan foi flagrado por câmeras jogando companheira na parede e chutando-a

Estadão Conteúdo

17 Janeiro 2018 | 12h30

Lateral-direito do elenco do Liverpool, Jon Flanagan foi condenado nesta quarta-feira por um tribunal a prestar 40 horas de trabalhos não remunerados e comparecer a 15 dias de atividades de reabilitação em um período de 12 meses de serviços comunitários como punição por ter agredido a sua namorada.

+ Veja a tabela do Campeonato Inglês

Flanagan, de 25 anos, se declarou culpado depois de ser flagrado por câmeras pegando sua namorada pelo pescoço e garganta, jogando-a contra uma parede, e chutando-a enquanto ela estava no chão durante uma noite em Liverpool no mês passado.

Ele foi condenado pela Corte de Magistrados de Liverpool nesta quarta-feira, com seu clube expressando sua "decepção" por Flanagan ter "falhado em cumprir com os valores do Liverpool Football Club".

"Isso atinge a nossa própria reputação", disse a equipe inglesa, "e através desse comportamento, ele decepcionou severamente o clube que ele tinha anteriormente representado com distinção".

Flanagan foi formado nas divisões de base do Liverpool e fez a sua estreia entre os profissionais em 2011. O lateral já disputou mais de 50 partidas pelo time, mas apenas uma nesta temporada, pela Copa da Liga Inglesa.

O advogado de Flanagan, Lionel Greig, disse que o jogador "lamenta profundamente o seu comportamento e há remorso genuíno", acrescentando que o casal ainda está junto e preocupado com a relação."Você é, é claro, um jovem de bom caráter e, portanto, é realmente triste que o que trouxe você até aqui foi o seu comportamento", afirmou o juiz Wendy Lloyd.

Mais conteúdo sobre:
futebol Liverpool Football Club

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.