Divulgação
Divulgação

Lateral francês Sagna afirma que deixará Arsenal, mas não revela o destino

Jogador confirma que renovação não evoluiu e vai sair time londrino após 213 jogos disputados

Agência Estado

29 de maio de 2014 | 18h09

PARIS - O lateral-direito francês Bacary Sagna avisou nesta quinta-feira que vai realmente deixar o Arsenal, depois de ficar as últimas sete temporadas pelo clube inglês. Foram ao todo 213 partidas, sendo que a última pode ter sido a do título da Copa da Inglaterra, diante do Hull City, duas semanas atrás, em Wembley.

"Não existe final ideal, mas foi um sonho terminar desse jeito, em Wembley, com o título", disse Sagna, em entrevista ao jornal francês L'Equipe. "Foi uma honra vestir esta camisa", completou o defensor de 31 anos.

Rumores na imprensa europeia ligam ele ao atual campeão inglês, o Manchester City, mas Sagna não confirmou qual será seu novo clube. "Não é mais segredo, eu vou deixar o Arsenal com certeza", garantiu. "Eles tentaram fazer um esforço, mas as conversas não caminharam como eu desejava."

Sagna faz parte dos 30 pré-convocados do técnico Didier Deschamps para a Copa do Mundo e deve fazer parte do grupo da França que jogará no Brasil. Os franceses estão no Grupo E da competição, junto com Honduras, Suíça e Equador.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.