Divulgação
Divulgação

Lateral Maicon troca Inter de Milão pelo Manchester City

Transferência do brasileiro foi confirmada no último dia da janela. Especula-se o valor em torno de R$ 10 mi

AE, Agência Estado

31 de agosto de 2012 | 11h57

SÃO PAULO - A Inter de Milão confirmou nesta sexta-feira a transferência do lateral-direito brasileiro Maicon, de 31 anos, para o Manchester City. A negociação foi pedida por Roberto Mancini, que havia sido seu técnico na Itália, e vinha se arrastando pelas últimas semanas. No entanto, só foi confirmada agora, no último dia da janela para transferências.

Com a contratação, o clube inglês acertou com seu segundo reforço só nesta sexta-feira, já que mais cedo havia confirmado o meia Scott Sinclair. Os valores para que a Inter liberasse Maicon não foram confirmados pelas equipes, mas especula-se que seja de 4 milhões de euros (cerca de R$ 10 milhões).

Maicon era sonho antigo do Manchester City, que vinha tentando sua contratação a cada janela para transferências dos últimos tempos, quase sempre disputando com o Real Madrid. O argentino Zabaleta é o único lateral-direito do elenco e não convenceu Roberto Mancini de que merecia ser titular. Por isso, o zagueiro Micah Richards estava atuando no setor.

Revelado pelo Cruzeiro, Maicon sempre impressionou pela força física e as arrancadas ao ataque. Em 2004, chamou a atenção do Monaco, que o contratou. Após somente duas temporadas na França, nas quais se firmou como reserva de Cafu na seleção brasileira, foi contratado pela Inter de Milão, onde viveu a melhor fase da carreira.

A saída do jogador é mais uma desta "debandada" de brasileiros. Desde o fim da temporada passada, Julio Cesar e Lúcio já foram negociados - para o Queens Park Rangers e a Juventus, respectivamente. Com isso, o lateral Jonathan, o zagueiro Juan e o meia Philippe Coutinho são os únicos atletas do País no atual elenco do time italiano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.