Lateral Maurinho evita polêmica ao falar do São Paulo

O lateral-direito Maurinho, do Cruzeiro, evitou ser polêmico às vésperas da partida contra o São Paulo, no domingo, no Morumbi. O jogador passou cerca de dois anos no clube paulista e ficou encostado, até voltar à equipe mineira, mas evitou criticar os próximos rivais. "Eu não estava sendo aproveitado na equipe, apesar de ter um contrato longo, não estava satisfeito porque ficava só treinando e estava querendo jogar. Então acabamos rescindindo o contrato, mas sem ressentimentos de nenhuma das partes", disse o jogador, questionado sobre sua saída do clube e o relacionamento com a diretoria.Maurinho também evitou críticas ao técnico Muricy Ramalho. Pelo contrário, fez elogios ao comandante são-paulino. "Era uma opção dele. No momento ele não estava me utilizando, mas é um excelente treinador e eu acho que provou isso no São Paulo, foi duas vezes campeão, e eu não tenho mágoa nenhuma."O lateral voltou aos gramados na vitória por 4 a 3 sobre o Figueirense, no domingo, em Florianópolis, e briga por um lugar na equipe que enfrenta o São Paulo. O técnico Adilson Batista ainda não confirmou a escalação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.