Latinha acerta bandeirinha e Flamengo pode ser punido

Árbitro anota ocorrência na súmula da vitória sobre o Grêmio, e Flamengo pode perder mando de jogos

23 de outubro de 2007 | 19h00

Uma latinha arremessada por um torcedor que atingiu o bandeirinha Carlos Nogueira Júnior, durante o jogo do Flamengo com o Grêmio, domingo, no Maracanã, deixou o ambiente tenso na Gávea, nesta terça-feira.   O registro do incidente na súmula do árbitro Sálvio Spinola pode levar o Flamengo à perda de pelo menos um mando de campo, no Campeonato Brasileiro. O clube luta para garantir vaga na Taça Libertadores de 2008 e ainda tem três partidas programadas para o Maracanã no Brasileiro: dia 31 (Corinthians), 11 de novembro (Santos) e, depois, no dia 25 (Atlético-PR).   Se for punido com a pena mínima, vai ter de enfrentar Santos ou Atlético-PR com os portões fechados - não haveria tempo hábil de julgamento antes do confronto com o Corinthians. O prejuízo financeiro e técnico poderia então ser decisivo na briga pelo último objetivo da temporada.   Na súmula, Spinola também relatou que um rojão foi lançado no gramado. O autor do disparo acabou detido e levado para a delegacia. De acordo com o advogado do Flamengo, Michel Assef Filho, o torcedor que jogou a latinha em campo - o bandeirinha sofreu hematoma no ombro - também teria sido identificado e autuado pelo Juizado Especial Criminal, que atua no Maracanã em dias de grandes jogos. "Eu considero, diante dessas circunstâncias, que a ameaça de punição está afastada", declarou.   Assef Filho admitiu levar os infratores ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) quando o caso for julgado em primeira instância, provavelmente daqui a duas semanas.

Tudo o que sabemos sobre:
Brasileirão Série AFlamengo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.