Lattari pode ser remunerado pelo Fla

O vice-presidente Geral do Flamengo, Radamés Lattari, foi convidado pelo presidente rubro-negro Hélio Ferraz para ser o profissional remunerado responsável pelo Departamento de Futebol. Apesar da indicação, ele contou que ainda está pensando e deverá dar uma resposta até quinta-feira. "Assumir um cargo deste mudará muita coisa na minha vida. Teria, por exemplo, que deixar meu emprego na Confederação Brasileira de Vôlei (CBV)", afirmou Lattari. "Também teria que abrir mão do cargo para o qual fui eleito, o de vice-presidente Geral." Lattari, no entanto, demonstrou otimismo quanto à possibilidade de assumir o que considerou ser um novo desafio. Lembrou que por ser um profissional do esporte tem maior possibilidade de conseguir êxito na função. A escolha do novo técnico do Flamengo também depende da resposta de Lattari, já que o presidente rubro-negro entregará ao novo profissional esta incumbência. Os nomes preferidos do dirigente são: Oswaldo de Oliveira, do São Paulo, Tite, do Grêmio, Nelsinho Baptista, do Goiás, e Ricardo Gomes, da seleção olímpica.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.