Lauro é liberado pelo STJD, e defende Inter no domingo

O goleiro Lauro está liberado para defender o Internacional diante do Coritiba, no domingo, pelo Brasileirão. O jogador foi punido com uma partida de suspensão pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) nesta terça-feira, mas, como já ficou fora contra o Vitória, poderá atuar no próximo final de semana.

AE, Agencia Estado

23 de junho de 2009 | 20h49

Lauro foi denunciado no artigo 255 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) - praticar ato de hostilidade contra adversário ou companheiro de equipe - por ter dado uma "rasteira" no atacante Kléber, em jogo contra o Cruzeiro. O goleiro podia ser punido com até três partidas de suspensão.

O jogador do Inter alegou que foi tirar satisfação com o rival depois de ter sido pisado. Na ocasião, os dois jogadores foram expulsos de campo. Kléber respondeu pelo mesmo artigo e, assim como Lauro, foi punido com um jogo. Dessa forma, está liberado para enfrentar o Avaí, próximo adversário do Cruzeiro, no fim de semana.

No mesmo julgamento, o zagueiro Bolívar foi absolvido após ser denunciado com base em prova de vídeo. Na partida, o jogador recebeu apenas cartão amarelo. Bolívar respondeu pelo artigo 254 - praticar jogada violenta.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.