Serena Campanini / EFE / EPA
Serena Campanini / EFE / EPA

Lazio vence fora de casa e fica a apenas um ponto da liderança

Vitória magra sobre o Parma deixa time da capital na cola da Juventus

Redação, O Estado de S.Paulo

09 de fevereiro de 2020 | 18h02

O sonho da Lazio de acabar com a dinastia da Juventus na Itália se mostra a cada rodada mais viável. Neste domingo, a equipe de Roma derrotou o Parma por 1 a 0, no estádio do adversário, e ficou a apenas um ponto dos alvinegros, que conquistaram o título do Campeonato Italiano nas últimas oito temporadas e lideram a competição uma vez mais.

A Juventus tem 54 pontos, enquanto a Lazio chegou a 53. E a dupla não está sozinha na briga pela taça: a Internazionale disputará o dérbi de Milão contra o Milan ainda neste domingo e, se vencer, vai empatar com os octocampeões na primeira colocação.

A Lazio alcançou neste domingo a incrível marca de 18 jogos consecutivos sem derrota no Italiano, com 14 vitórias e quatro empates no período. A última vez em que a equipe saiu de campo sem pontos no torneio foi no dia 25 de setembro do ano passado - 1 a 0 para a Inter.

A conquista da vitória em Parma, porém, não foi nada fácil para a Lazio. A equipe da capital até jogou bem no primeiro tempo, quando anotou o gol que decidiu o confronto, mas levou sufoco depois do intervalo e viu os donos da casa perderem algumas ótimas oportunidades para empatar o jogo.

O equatoriano Felipe Caicedo marcou o único tento da partida aos 40 minutos. Com muito oportunismo, ele aproveitou uma sobra na área do Parma e "matou" o goleiro Colombi com um poderoso chute de pé direito.

Na etapa final, a equipe da casa cresceu muito e encurralou os vice-líderes, mas cometeu o pecado da falta de pontaria. A última grande chance do Parma foi perdida nos acréscimos. Kulusevski recebeu um cruzamento em ótima posição para finalizar e mandou a bola para fora, a poucos centímetros do gol da Lazio.

Em Nápoles, o Napoli deu sequência ao seu calvário. A equipe cumpre péssima campanha no Italiano e neste domingo perdeu por 3 a 2 para o Lecce, clube que luta com unhas e dentes contra o rebaixamento. Lapadula (duas vezes) e Mancosu marcaram para os visitantes e Milik e Callejón fizeram os gols do Napoli, apenas o 11.º colocado, com 30 pontos. O Lecce é o 17.º, com 22.

Fora de casa, o Sassuolo derrotou o SPAL por 2 a 1 e se afastou das últimas colocações - agora é o 12.º colocado, com 29 pontos. Seu adversário continua com a lanterna nas mãos (15 pontos).

Também neste domingo, o Genoa (18.º colocado, com 19 pontos) derrotou o Cagliari (nono, com 32) por 1 a 0, enquanto Brescia (19.º, com 16) e Udinese (15.ª, com 25) empataram por 1 a 1.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.