Nabor Goulart/AP
Nabor Goulart/AP

LDU vence Inter e larga na frente na final da Recopa

Equipe equatoriana ganha no Beira-Rio por 1 a 0 e joga pelo empate na partida de volta em Quito

Elder Ogliari, Agencia Estado

26 de junho de 2009 | 00h16

A LDU venceu o Internacional por 1 a 0, nesta quinta-feira, no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, e largou em vantagem na decisão da Recopa Sul-Americana. Agora, o time equatoriano pode jogar por um empate, em Quito, no próximo dia 9, para ficar com o título.

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

Mesmo que tenha mantido a posse de bola por mais tempo, o Internacional raras vezes entrou na área da LDU ao longo de todo o jogo. O time brasileiro só conseguiu trocar passes em alta velocidade até a intermediária equatoriana, onde o bloqueio formado por três zagueiros e três volantes interceptou quase todas as jogadas.

Diante da muralha, o atacante Taison tentou quatro chutes da entrada da área, mas dois foram defendidos pelo goleiro Dominguez e dois saíram para fora.

Além de bem colocado na defesa, o time equatoriano foi mais perigoso que o brasileiro quando chegou ao ataque. Ainda no primeiro tempo concluiu três vezes. Numa delas, Bieler mandou a bola no ângulo e Lauro espalmou.

Na segunda etapa, Lara fez boa jogada individual pela esquerda e chutou para o meio da área. A defesa colorada não conseguiu afastar e Bieler, bem colocado, aproveitou para chutar forte. Lauro salvou, mas o atacante estava atento e aproveitou o rebote para marcar o gol da vitória, aos 11 minutos.

O Internacional só teve chance de empatar aos 36, numa cobrança de falta de D''Alessandro para fora. Mas a LDU também teve chances desperdiçadas a lamentar e se Bieler, mais uma vez, e Graf acertassem a pontaria, a vantagem dos visitantes teria sido ainda maior.

INTERNACIONAL 0 X 1 LDU

Internacional - Lauro; Bolívar, Índio, Danny Moraes e Marcelo Cordeiro; Sandro (Danilo Silva), Guiñazu, Andrezinho (Giuliano) e D''Alessandro; Taison e Alecsandro (Leandrão). Técnico: Tite

LDU - Dominguez; Calle (Espínola), Campos e Araújo; Reasco; De La Cruz, Urrutia, Lara (Graf), Vera e Ambrossi; Bieler (Larrea). Técnico: Jorge Fossati

Gol - Bieler, aos 11 minutos do segundo tempo

Cartões amarelos - Índio, Guiñazu e Andrezinho (Internacional); Calle, Reasco, Ambrossi e De La Cruz (LDU)

Cartão vermelho - Bolívar (Internacional)

Árbitro - Juan Soto (Fifa-Venezuela)

Renda - R$ 644.630,00

Público - 30.284 pagantes

Local - Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.