Leandro Amaral pode ser titular na Lusa

O atacante Leandro Amaral, maior artilheiro da história do Canindé, com 65 gols, poderá ser a principal novidade da Portuguesa diante do Santa Cruz, sábado à tarde, na abertura do quadrangular final do Campeonato Brasileiro da Série B. O técnico Giba admitiu que o atacante pode entrar no lugar de Celsinho, que participou do empate de 1 a 1 com o Guarani, em Campinas."Comigo não tem favorecimento para ninguém. Quem treinar melhor ou viver um momento bom é escalado", assegura o técnico, esperançoso de que Leandro Amaral volte a dar mais alegrias para a torcida. "Infelizmente ele não vinha bem no jogo diante do Marília e acabou substituído no intervalo. Achei melhor poupá-lo diante do Guarani, mas se ele estiver motivado tem todas as condições de ir para o jogo", completou.Mesmo em má fase, Leandro participou do segundo tempo em Campinas, quando completou uma marca histórica ao fazer seu 200.º jogo com a camisa do clube. Ele ainda defende a quarta maior artilharia da Portuguesa, com 110 gols. Nesta Série B, entre altos e baixos, ele marcou seis gols, três deles contra o Sport Recife, na vitória da Lusa, por 4 a 2, no dia 2 de setembro, válido pela penúltima rodada da fase de classificação. As palavras de Giba parece que animaram o jogador a sonhar em dar a volta por cima. "Estou treinando e espero voltar ao time e marcar meus gols, porque sei que é isso que interessa para todos". A comissão técnica volto a trabalhar em dois períodos nesta quarta-feira, num Centro de Treinamento, na cidade de Itu, distante 90 quilômetros da capital. Giba priorizou os treinos técnicos, com bola, exigindo muito dos jogadores nas finalizações e também no posicionamento defensivo e ofensivo. O objetivo é corrigir erros de marcação e aprimorar os cruzamentos na área adversária, principalmente em cobranças de escanteios e faltas.A delegação retornará a São Paulo nesta quinta-feira, após o almoço e à tarde, no Canindé, a idéia é realizar um coletivo. Se existe dúvida no comando de ataque, outras mudanças estão praticamente definidas como a entrada de Maurício na lateral-direita na vaga de Wilton Goiano, suspenso com três cartões amarelos. Almir, que volta após suspensão, deve ocupar a vaga de Rafael Toledo, suspenso, com o meia Cléber recuperando sua condição de titular absoluto também após ter cumprido suspensão - ele é o artilheiro do time, com 12 gols.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.