Leandro Euzébio volta a treinar com bola no Fluminense

Afastado dos gramados desde o início de junho, o zagueiro Leandro Euzébio voltou a treinar com bola nesta quinta-feira. O defensor se recupera de uma lesão no joelho direito, após se machucar na quarta rodada, mas não será liberado para encarar o Grêmio, no domingo.

AE, Agência Estado

11 de agosto de 2011 | 19h35

Sem Euzébio, Abel Braga fez duas modificações forçadas no treino. Gum e Edinho, suspensos, dão lugar a Digão e Valencia. O técnico ainda poderá fazer uma terceira alteração, caso Fred fique fora da partida.

O atacante ficou fora dos jogos com Internacional e América-MG por causa de incidentes na madrugada do dia 3 de agosto, quando foi perseguido por torcedores depois de ser abordado num bar de Ipanema. O jogador se sentiu ameaçado, registrou queixa na delegacia e chegou a dizer que preferia deixar do clube. Ele pediu à diretoria que não fosse relacionado para os dois confrontos seguintes.

A controvérsia atrapalha a concentração do grupo, que tenta manter os assuntos extracampo fora do vestiário, mas nem sempre é possível. Um dos porta-vozes do elenco, Marquinho admite que a presença do atacante tranquiliza o time.

"Muitas coisas acontecem fora e não podemos dizer que refletem em campo. Jogamos mal, fomos irreconhecíveis (contra o Américo-MG, derrota por 3 a 0), mas o Fred é uma referência para nosso grupo desde 2009. Sentimos a falta dele", disse o meia, que espera que o companheiro opte por participar do jogo.

"Daríamos total apoio a tudo que ele quisesse fazer. Quando ele voltar, temos que dar essa moral. O que podemos falar é que contamos com ele sempre", comentou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolFluminenseLeandro EuzébioFred

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.