Leandro Guerreiro chega ao Guarani

O volante Leandro Guerreiro, enfim, deverá se reapresentar ao Guarani. Quem garante é o empresário do jogador, Everton Ávila, que explicou à diretoria nesta terça-feira que o motivo do "sumiço" foi a doença do pai de Leandro, que está em Florianópolis. O medo da diretoria em perder o jogador era grande, principalmente depois do que aconteceu com Wágner. O atacante havia afirmado que permaneceria no Guarani em 2004 e, no mesmo dia, era anunciado como novo reforço do Atlético-MG. "O Leandro (Guerreiro) não se apresentou e ficamos preocupados, mas sempre confiei na palavra do jogador e também de seu procurador", afirmou o vice-presidente Toninho Secacci. Com a chegada do volante, o técnico Barbieri terá 22 jogadores para seguir para Serra Negra na próxima quinta-feira, quando iniciam a pré-temporada visando a disputa do Campeonato Paulista. A estréia do Bugre acontece no dia 21, às 20h30, contra o Marília, em casa. Até o momento chegaram cinco reforços ao Guarani. Os laterais Júnior Barbosa e Patrick, os volantes Marcelo Scrocca e Loscri e o meia Liberman já estão treinando sob o comando do preparador físico Lino Fachini Júnior.

Agencia Estado,

06 de janeiro de 2004 | 19h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.