Leão anuncia mudanças na seleção

Emerson Leão anunciou que deverá fazer algumas mudanças na seleção brasileira para o jogo do dia 28, contra o Equador, em Quito, pelas eliminatórias da Copa de 2002. O treinador não gostou do desempenho da equipe na quarta-feira, no empate com o México por 3 a 3, no Estádio Jalisco, principalmente do setor defensivo. "Tivemos muitas falhas e todos os gols do México surgiram de erros nossos." O zagueiro Edmílson, que iniciou a partida, deverá perder lugar no time para Roque Júnior. Ele admitiu que não teve boa participação.Lúcio também decepcionou, mas tem crédito com o treinador por causa das últimas atuações e, por isso, será mantido. Vampeta não produziu o esperado pela comissão técnica e também corre riscos. No ataque, há a dúvida sobre quem jogará ao lado de Romário. Ronaldinho Gaúcho continua sendo cotado, mas Edílson pode ganhar uma chance. O atacante marcou o primeiro gol contra o México e agradou à comissão técnica. Lamentou apenas não ter podido comemorá-lo. "Não deu nem tempo, porque logo em seguida ao gol fui substituído, mas tudo bem, foi uma opção do treinador." Os dois gols marcados por Romário, o último aos 46 minutos do segundo tempo, ofuscaram um pouco a má atuação da seleção brasileira, mas não esconderam os erros. A equipe sofreu para empatar com o México, que estava sem vencer há seis partidas e atuou desfalcada de alguns dos principais jogadores, como o atacante Luis Hernandez.Embora tivesse criado algumas chances, o time mostrou falta de sincronia. "O Brasil mostrou ser poderoso individualmente, mas tem de ser também poderoso coletivamente", alertou o treinador. Se os mexicanos tivessem um ataque um pouco mais forte, poderiam, até, ter marcado mais gols em contra-ataques.Apesar de admitir que o time teve fraco desempenho, Leão preferiu minimizar os erros e dizer que o jogo proporcionou emoção aos mais de 70 mil torcedores que lotaram o Jalisco. "Foi um espetáculo com seis gols." Rivaldo deixou o campo aborrecido. Mais uma vez não conseguiu ter participação destacada. Fez uma grande jogada ao driblar três jogadores e quase marcar, mas não manteve uma regularidade durante a partida. Num chute do meio-de-campo, assustou os mexicanos. A bola passou perto, mas não entrou. Mesmo não tendo brilhado, Rivaldo é nome certo nos próxmos jogos da seleção.O coordenador Antonio Lopes afirmou hoje que a lista de jogadores convocados para a partida do dia 28, contra o Equador, será divulgada na quarta-feira, dia 14, no Rio. Os jogadores e a comissão técnica chegam nesta sexta-feira ao Brasil. Uma parte desembarcará no Rio e outra, em São Paulo. Os atletas que jogam no exterior vão direto para o país onde atuam.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.