Leão começa armar equipe para Mundial

Em sua segunda convocação, o técnico da seleção brasileira Leão começa, amanhã, a armar a base do time para a Copa do Mundo de 2002, no Japão e na Coréia. O treinador anunciará a lista de 18 jogadores que vão participar dos amistoso contra os Estados Unidos, no dia 3 de março, e com o México, no dia 7. Será a segunda vez que Leão dirige a seleção.Juntamente com o coordenador-técnico Antônio Lopes, o treinador pretende definir a maior parte da seleção do Mundial até o fim das eliminatórias, em novembro. Assim, esperam repetir a estratégia adotada por Carlos Alberto Parreira, em 1994, que resultou no tetracampeonato.Na época, o técnico insistiu com a mesma formação, apesar das críticas.Outro motivo para evitar muitas mudanças nas convocações é o pouco tempo que restante até a Copa do Mundo. Enquanto os treinadores anteriores tiveram quatro anos para encontrar a equipe ideal, Leão assumiu a seleção pouco mais de um ano e meio antes do Mundial.Por isso, os testes, tão comuns quando o técnico era Wanderley Luxemburgo, se tornarão mais escassos. Devem acontecer poucas surpresas nas convocações, com preferência para os jogadores que estão acostumados à seleção. A comissão técnica informou, porém, que não pretende chamar os principais jogadores para todos os amistosos para não causar desgaste a relação com os clubes. Roberto Carlos e Rivaldo, por exemplo, estão foram da partida com os EUA.Ou seja, Leão vai utilizar as eliminatórias, a Copa América e a Copa das Confederações para elaborar a sua formação. Essa última competição, que será realizada em agosto, terá importância especial, pois será realizada no Japão, mesmo local do Mundial.Na convocação de amanhã, uma novidade pode ser o retorno do atacante Edílson, que voltou a atravessar grande fase. Melhor time da temporada passada, o Vasco deve ter alguns nomes na lista. Segundo Lopes, não haverá nenhum impedimento pelo fato de Flamengo e Vasco poderem estar disputando, durante o período dos amistosos, as finais do primeiro turno do Campeonato Carioca. A equipe sub-20 campeã Sul-Americana pode ter o meia Fábio Rochembach e o atacante Adriano como representantes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.