Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE
José Patrício/AE
José Patrício/AE

Leão está pessimista em ter Luis Fabiano em clássico com Palmeiras

Apesar de estar evoluindo, atacante ainda sente dor e deverá desfalcar a equipe no próximo domingo

DANIEL BATISTA, Agência Estado

21 de fevereiro de 2012 | 15h13

SÃO PAULO -  Embora exista toda uma expectativa para a presença de Luis Fabiano no clássico com o Palmeiras, domingo, em Presidente Prudente, pela décima rodada do Campeonato Paulista, o técnico do São Paulo, Emerson Leão, mostra pessimismo e praticamente descarta a presença do jogador na partida.

"Sinceramente não tenho (esperança em contar com ele). Ele não treinou com bola e ainda tem dor. O Luis vai ter que passar, quando melhorar, por um processo de auto recuperação. Chegar mais cedo e fazer reforço muscular por causa da fibrose", disse o treinador.

Se o atacante não conseguir voltar a jogar no domingo, não será por falta de vontade, garante Leão. O jogador, tem se dedicado arduamente nos treinamentos, inclusive no último domingo, enquanto todo o elenco estava de folga, ele foi para o centro de treinamento da equipe e realizou uma atividade sozinho. "O bom é que nem precisamos mandar ele fazer nada. Ele está se dedicando e depois tudo que está acontecendo será explicado para ele", disse o treinador.

O médico José Sanchez também adota cautela ao falar do jogador. "É difícil dar prazos porque é estatística. Às vezes se recupera tudo, mas especificamente num movimento ele pode sentir. E isso é suficiente para não liberar para o grupo. Não se entrega um jogador 95% pronto. O Luis está muito bem, mas especificamente numa passada ele se queixa de desconforto, não passa uma sensação agradável"

Assim, a tendência é que William José, suspenso da partida contra o Bragantino, nesta quarta-feira, volte ao time diante do Palmeiras.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.