Leão mantém três zagueiros para pegar Barueri no Pacaembu

O técnico Emerson Leão manteve o volante Daniel improvisado na zaga no treino coletivo desta sexta-feira, no Parque São Jorge. Com isso, o time terá três defensores para a partida do próximo domingo, contra o Grêmio Barueri, pelo Campeonato Paulista.Daniel atuará ao lado de Betão e Gustavo. Os outros zagueiros do time, Marcus Vinícius e Marinho, estão suspenso. Também ficam de fora o meia Roger e o atacante boliviano Arce, que se recuperam de contusões - eles darão lugar a Willian e Wilson.Com o esquema de três zagueiros (3-5-2), o Corinthians venceu o Bragantino e o Noroeste pelo Paulistão, o que deixou o clube na sétima posição, com 23 pontos, e na briga por uma das vaga às semifinais - o Palmeiras, que é o quarto na tabela, tem 25.A única dúvida de Leão está no gol. Marcelo treinou como titular em parte do coletivo. Jean, que volta de contusão, foi seu substituto. "Não sei se serei escalado, pois voltei a treinar agora. De qualquer maneira, estou pronto", contou Jean.Apesar de estar programada uma entrevista coletiva, Leão não falou ao final do treino - a diretoria não explicou o motivo. Mesmo assim, Rosinei, escalado entre os titulares, contou o que o técnico pediu para domingo. "Ele quer que o time tenha velocidade nas jogadas, principalmente nos contra-ataques."O Corinthians deve jogar com: Marcelo (Jean); Betão, Gustavo e Daniel; Rosinei, Marcelo Mattos, Magrão, Willian e Wellington; Wilson e Amoroso.FéNuma declaração inusitada, Rosinei declarou nesta sexta-feira que foi a Bíblia que o fez voltar a atuar como lateral do Corinthians. ?Estava lendo a palavra divina e cheguei à conclusão que não estava sendo humilde e pensava apenas em mim ao querer jogar só no meio-de-campo. Aí fui conversar com o Leão, me desculpei e tudo ficou acertado. Desde que virei evangélico minha vida mudou para melhor.?O atleta recebeu uma oferta para deixar o clube do Parque São Jorge para atuar no Internacional, atual campeão da Libertadores da América e da Copa do Mundo de Clubes da Fifa. Mas a renovação do seu contrato está sendo discutida pelo empresário Marcelo Djian. A primeira pedida foi bastante alta: R$ 2 milhões e luvas de R$ 120 mil mensais.Atualizada às 20h10

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.