Leão não tem pressa para trabalhar

O treinador Emerson Leão voltou ao Brasil nesta semana, depois de ser demitido do Vissel Kobe, do Japão. Mesmo sem emprego, o técnico disse que não tem pressa para voltar a trabalhar e que só assumirá um time que estiver, realmente, com cargo vago. ?Não tem nada de oficial com nenhum clube até o momento. E só vira oficial comigo depois de conversar pessoalmente com algum dirigente ou responsável pelo clube?, afirmou, em entrevista à Rádio Jovem Pan. Leão ressaltou que teria muito prazer em dirigir o Palmeiras, time em que já foi jogador e técnico. ?Trabalharia lá sem problema. Mas eles têm um técnico (Paulo Bonamigo) no momento. O Palmeiras não tem um time ruim. Os dirigentes estão contratando e tentando montar uma boa equipe?, contou. Sobre a provável transferência de Robinho para o Real Madrid, Leão disse que as duas partes - jogador e Santos - estão agindo de forma correta. ?O Robinho está certo em ir para a Espanha. E o presidente Marcelo Teixeira também está certo no que está fazendo, já que busca o melhor para o clube?, comentou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.