Leão quer Doni no gol do Cruzeiro

No seu primeiro dia de trabalho como técnico do Cruzeiro, Emerson Leão já começou a indicar as chamadas ?peças de reposição? do grupo mineiro e solicitou à diretoria a contratação do goleiro Doni, já que o titular Gomes sofreu recentemente uma lesão no punho direito e ficará parado por pelo menos dois meses. O presidente do clube mineiro, Alvimar de Oliveira Costa, fez um contato nesta quarta-feira com o goleiro e disse que a contratação deve ser concretizada ainda nesta quinta. ?Já fiz uma proposta salarial e ele ficou de dar uma resposta nesta sexta. Eu acho que a possibilidade dele vir para o Cruzeiro é muito grande?, disse Alvimar. Doni foi o pivô de um desentendimento entre Leão a diretoria do Santos este ano, quando o goleiro foi dispensado da Vila Belmiro à sua revelia. Os direitos federativos do goleiro estão vinculados ao Corinthians. "Imagino que o Leão goste do jogador, porque ele o levou para o Santos e ficou infeliz com a sua dispensa. A partir do momento que ele está desligado, fica mais fácil", ressaltou o dirigente, afirmando que o Doni foi ?bem receptivo? à idéia de jogar no Cruzeiro. Ainda em relação ao gol cruzeirense, ficou definido que o auxiliar-técnico de Leão, Pedro Roberto Santilli, acumulará a função depreparador de goleiros no lugar de Flávio Tennius, que deverá ser deslocado para as categorias de base. Método ? Mas o que mais chamou a atenção dos jogadores nesta quarta foi o método rígido de trabalho do técnico ao qual eles terãoagora de se enquadrar. No primeiro dia de treinamento do novo treinador, os atletas enfrentaram dois períodos de atividade. Tiveram de levantar mais cedo da cama e deixaram a Toca da Raposa 2 mais tarde do que acontecia normalmente. Os jogadores foram obrigados a chegar às 8 horas no centro de treinamento, duas horas mais cedo do que estavam acostumadosnas épocas de Vanderlei Luxemburgo e Paulo César Gusmão. Leão já avisou também que na maioria dos dias da semana haveráatividades em dois períodos. ?Duas horas para um atleta profissional não é muito, porque isso está incluso aquecimento, alongamento, refresco, uma série decoisas?, avisou o treinador. ?Vamos aproveitar esta semana que temos, porque poucas vezes no Campeonato brasileiro nós vamos ter uma semana inteira para trabalhar.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.